Auxílio Paternidade – Como Funciona

Auxílio Paternidade

Veja tudo sobre Auxílio paternidade – Quando se trata desse assunto, muita gente fica sem entender, já que a maioria das pessoas pensa que esse auxílio é destinado apenas para as mães.

Sendo assim, muitos se perguntam, quem tem direito de receber o auxílio paternidade?

Portanto, vamos mostrar tudo sobre o assunto, uma vez que tem diversas informações sobre o salário maternidade mas não sobre o auxílio paternidade.

Assim, explicaremos sobre quem pode receber, casos de restrições, alguns casos particulares, bem como casos extremos.

Então, fique atento a nossas informações, aproveite e curta a nossa Fanpage.

Veja o que temos sobre auxílio paternidade:


quantos dias de licença paternidade

Sobre O Benefício Maternidade E Paternidade

Todo pai que se preocupa com os filhos, principalmente durante as primeiras semanas pós-parto, já se questionou sobre a licença maternidade INSS.

Isso porque, o benefício pago as mães, é equivalente ao valor do salário líquido.

Por outro lado, referente ao salário maternidade, às vezes há restrições, assim como o auxílio paternidade.

Portanto, para ter direito de receber o salário maternidade, gestantes a partir do oitavo mês, precisam apresentar um laudo do médico junto ao INSS, comprovando a gravidez.

No entanto, isso também pode ser solicitado, a partir do nascimento do bebê, basta apenas levar a certidão de nascimento.

Entretanto, a solicitação pode ser feita direto na empresa ou pelo INSS.

Lembrando que, quando a mulher tem gêmeos, ela recebe apenas um salário maternidade, ou seja, não é pago pela quantidade de filhos.

licença paternidade 2018

Quem Pode Receber O Benefício?

Outra dúvida frequente, é quem pode receber o auxílio paternidade?

Sendo assim, o benefício é permitido, para o segurado que estiver com os dados de cadastro em dia no INSS.

Assim, ele deve entrar em contato direto com a instituição.

Entretanto, esse contato pode ser realizado através da internet, ou até mesmo pelo telefone.

E, assim dar entrada no requerimento do auxilio paternidade.

licença paternidade clt

O Que É O Auxílio Paternidade

É o direito do Pai, poder se ausentar do trabalho nos primeiros 5 ou 20 dias de vida do filho.

Lembrando que, assim como as mães adotivas, o pai adotivo também tem direito a esse Benefício, de acordo com a lei.

Assim, mesmo se ausentado durante os primeiros dias após o nascimento do filho, esses dias não podem ser descontados.

Sendo assim, é contado a partir da data de nascimento da criança.

Entretanto, antigamente os pais tinham direito a somente 5 dias de auxilio paternidade, porém em 2016, houve o projeto de lei que aumentou para 20 dias, para servidores públicos federais.

Vale ressaltar que, existem outros projetos de lei aguardando aprovação que concedem aos pais ainda mais benefícios, para que ele possa desfrutar melhor desse momento importante.

licença paternidade quantos dias

Quem Tem Direito Ao Auxilio Paternidade

Assim como o auxilio maternidade, existe também o auxílio paternidade, que aborda a questão para os pais, ao invés de somente as mães.

Sendo assim, neste caso os trabalhadores tem direito a pelo menos 5 dias úteis, de licença paternidade.

No entanto, caso ele seja servidor público federal, tem direito a 20 dias.

Assim, todos os pais que trabalham, tem direito ao auxilio paternidade, assim como as mães, que também tem direito a licença maternidade INSS e ao salário maternidade.


clt licença maternidade

Um Pouco Sobre O Salário Maternidade

O  salário maternidade, é um direito de todas as mamães, inclusive as que não estão ativas no mercado, que podem receber o salario maternidade desempregada.

Isso porque, o nascimento do bebê é um momento muito delicado.

Sendo assim, a mãe fica debilitada e precisa de uma atenção maior, por causa do pós-parto.

Por isso, tanto o salário maternidade quanto o auxílio paternidade, são muito úteis para as famílias, pois com mais tempo e dinheiro, as coisas ficam mais fáceis.

O auxilio maternidade quem tem direito, são as mamães que estão dentro dos requisitos do Benefício.

No caso das empregadas, ao nascer o filho, ela pode receber o benefício do salario maternidade por 4 meses ou mais, dependendo do seu trabalho.

Já para o salario maternidade desempregada, é preciso ter contribuído por pelo menos 10 meses, para assim poder receber o Benefício.

Veja também sobre o Salário Maternidade no vídeo abaixo:

Saiba mais sobre Quem Tem Direito Ao Salario Maternidade

Quem Tem Direito


auxilio paternidade

Casos Em Que Não Há Restrições

Vale lembrar que, há casos em que não há restrições, se tratando tanto do auxílio paternidade, como também do salario maternidade.

Sendo assim, é importante cumprir o tempo mínimo de 10 meses de contribuição.

No entanto, em caso de empregadas domésticas, não é preciso cumprir esse tempo de carência.

Portanto, o Benefício é muito importante para a mãe.

Isso porque, o benefício garante uma maternidade mais tranquila, permitindo uma adaptação melhor à nova rotina.

tempo de licença maternidade

Casos Particulares

O seguro maternidade, pode começar a partir do oitavo mês, ou a partir do nascimento do bebê, sendo por até 120 dias.

Entretanto, é dado as empresas, a opção de aumentar por mais 60 dias este afastamento.

quantos dias o pai tem direito a licença paternidade

Considerações Finais

Portanto, os pais tem o direito do auxilio paternidade.

Sendo assim, eles podem se ausentar do trabalho, sem que haja prejuízos de remuneração.

Assim, como as mães tem direito ao salário maternidade.

Além do Auxílio Paternidade veja também sobre Salário Maternidade – Clique aqui.

Contudo, se o artigo foi interessante para você VOTE e em seguida COMPARTILHE com seus amigos.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Politica de Privacidade
error: Conteúdo protegido!!